Prazo prorrogado “Projeto – História da Dança Espírita no Brasil”

Prorrogado para o dia 30/08 a entrega dos relatos para o livro   “Dança Espírita no Brasil: Contando uma história”

         boneco prazo

Em reunião extraordinária, ocorrida na última quinta-feira (28/07) a equipe de coordenação responsável pelo PROJETO – Dança Espírita no Brasil: Contando uma História, reunida junto à coordenação da Mostra Nacional de Dança Espírita decidiu  prorrogar o prazo de entrega dos relatos que comporão o livro para o dia 30 de Agosto de 2016 impreterivelmente.

            O projeto destina-se a escrita de um livro sobre a Dança Espírita no Brasil que será lançado em Junho de 2017. O objetivo do livro é coletar, sistematizar e difundir as diferentes histórias de grupos de dança espírita de todo país e artistas espíritas que trabalham com esta linguagem. A finalidade é socializar  saberes e fazeres da dança espírita, seus protagonistas e propostas e seu campo de atuação vinculado a Doutrina Espírita codificada por Allan Kardec ao longo de diferentes décadas deste e do século passado.

            A decisão de prorrogação da data de entrega dos relatos, deu-se devido ao fato de vários grupos e artistas espíritas da dança somente terem tido acesso às orientações quanto à escrita do livro, no início desta semana.  Além disso, a equipe responsável pelo projeto ainda vem fazendo uma pesquisa para localização e contato com coordenadores e/ou ex-integrantes de grupos mais antigos ou já extintos para a escrita de suas histórias.

Outra questão que foi levada em conta para a prorrogação do prazo é a importância da participação do maior número de narrativas possíveis dos grupos e  artistas ligados a esta linguagem que trabalham junto a Doutrina Espírita. Há a necessidade premente de registro e preservação da memória das atividades que vem sendo realizadas no Brasil junto à dança espírita desde a segunda metade do século XX para que não se percam.  Isto só pode ser feito por aqueles que atuaram e vem atuando junto a este trabalho.

A Equipe do projeto aproveita para fazer um apelo para que os grupos não deixem de participar junto ao projeto, de forma que ele colabore para a difusão das muitas formas de atuação desta arte na casa espírita junto à infância e juventude aproximando-a do Evangelho do Cristo.

            A Equipe de Coordenação da MNDE e do Projeto pede desculpas e   compreensão  daqueles que entregaram e entregarão a escrita dentro do primeiro prazo estipulado e aguarda que os demais grupos que só conseguirão entregar ao longo destes trinta dias, q o façam o mais rápido possível, pois o material recolhido passará por revisão e análise dos responsáveis, antes da entrega para montagem e edição dos mesmos. O prazo não será novamente prorrogado.

            Aqueles que ainda desejam participar ou necessitam de novas orientações devem entrar em contato no e-mail dancaespiritaminhahistoria@gmail.com aos cuidados de Miriam Faria.

 

Participe! Escreva sua (nossa) história!

PROJETO – Dança Espírita no Brasil: Contando uma História

A IDEIA
cartaz1_LIVRO2Durante o Fórum de Coordenadores de Dança Espírita que ocorreu na III Mostra Nacional de Dança Espírita em São Paulo (Maio, 2016), surgiu à ideia de registrar a história da dança espírita no Brasil.

A partir da troca de ideias entre coordenadores de grupos espíritas de dança, artistas espíritas que atuam nesta linguagem, interessados em formar grupos e evangelizadores ligados ao trabalho com dança espírita, verificou-se a diversidade de experiências existentes, a necessidade de partilha destas vivências e a falta de registro das atividades de um movimento (1) que, ao que se sabe, iniciou sua trajetória na segunda metade do século XX.

Pensou-se num registro das atividades desenvolvidas pelos grupos de dança espírita desde o preparo técnico do bailarino, o processo de estudo, pesquisa e construção coreográfica, que são indissociáveis de uma pedagogia do movimento (2) que tenha todo seu alicerce na Doutrina Espírita.

De forma despretensiosa veio à tona a ideia do livro, buscando socializar entre os grupos a experiência acumulada por cada um deles, compartilhando entre seus pares dificuldades e desafios, soluções e maneiras de trabalho encontradas ao longo de sua trajetória. Um processo de ajuda mútua, visando o crescimento de todos.

A diversidade enriquecedora das formas de manifestação da dança espírita, seja no contexto pedagógico, técnico, educativo, terapêutico ou cênico é algo que merece ser compartilhado entre artistas espíritas desta linguagem e leigos no assunto.

Assim nasceu o Projeto – “Dança Espírita no Brasil – Contando uma história”, que não teria outra maneira de se concretizar, senão pelas mãos dos que constroem e consolidam cada vez mais este movimento – seus protagonistas.

[1] Referência ao Movimento Espírita de Dança.

[2] Isso quer dizer, que dança espírita é muito diferente de aprender movimentos codificados de estilos diversos, o que se faz em qualquer estúdio de dança, mas é um processo de educação do espírito que começa desde o  preparo da aula até a apresentação, ou seja, tem uma metodologia própria, cujo objetivo não se encerra num espetáculo/coreografia. É um processo cíclico que tem por objetivo o autoconhecimento, a reforma íntima.

SEUS OBJETIVOS E IMPORTÂNCIA

O projeto destina-se a escrita de um livro sobre a Dança Espírita no Brasil que será lançado em Julho de 2017. O objetivo do livro é coletar, sistematizar e difundir as diferentes histórias de grupos de dança espírita de todo país e artistas espíritas que trabalham com esta linguagem. A finalidade é socializar  saberes e fazeres da dança espírita, seus protagonistas e propostas e seu campo de atuação vinculado a Doutrina Espírita codificada por Allan Kardec ao longo de diferentes décadas deste e do século passado.

O Movimento de Dança Espírita Brasileiro precisa registrar e comprovar sua existência e preservar sua memória para tornar-se rica fonte de informações;  estando acessível, a qualquer tempo, aos interessados, sejam os próprios artistas espíritas, simpatizantes, pesquisadores e público em geral.

O projeto da escrita do livro é de fundamental importância para tornar-se documento histórico deste movimento rico em diversidade, fonte de aprendizado aos que atuam hoje na dança espírita, aos que colaboraram no passado e aos que darão continuidade no futuro.

QUEM PODE PARTICIPAR ?

  • Coordenadores e/ou integrantes de Grupos Espíritas de Dança (que atuam hoje);
  • Coordenadores e/ou ex-integrantes de Grupos de Dança Espírita que não atuam  mais (existem mais);
  • Artistas espíritas da dança que atuam ou atuaram dentro da dança espírita;
  • Evangelizadores espíritas que fazem uso da dança como processo de educação do espírito;
  • Espíritas ex-bailarinos que pesquisam e escrevem sobre o assunto, entre outros.

COMO PARTICIPAR?

Você deverá escrever um e-mail para: dancaespiritaminhahistoria@gmail.com

A/C Miriam

Será lhe enviado o regulamento e o roteiro de escrita.

PRAZOS

Entrega do material até 31/07/16.

Todas as orientações virão no e-mail.

Dança Espírita no Brasil: contando uma história

Ajude a contar esta história!!!

Dança Espírita no Brasil: Queremos conhecer sua história!!!
Participe da escrita do LIVRO, contando sua experiência com a Dança Espírita.

Como participar? Envie um e-mail para receber o REGULAMENTO – dancaespiritaminhahistoria@gmail.com

IMPORTANTE – O prazo de entrega dos textos vai somente até 31/07/16.

cartaz1_LIVRO

Oficina de Danças Urbanas

DANÇA ESPÍRITA COMO_ danças urbanas

” A oficina será estruturada a partir de matrizes técnicas da Danças Urbanas, utilizando uma perspectivas diferenciada em relação ao próprio estilo considerando o diálogo com a Doutrina Espírita. O tema central será os processos Emotivos, que são influenciados pelo estado mental, físico e consequentemente comportamental. Frisando como objetivo enfrentar, reconhecer e harmonizar os próprios sentimentos através da dança, buscando uma maior autoestima, autoaceitação, autoperdão e Amor!”
bia (1)
Quinta-feira das 17 as 18h  
Sexta-feira e sábado das 7 as 8h
Facilitadora: Beatriz Santos
Participantes a partir de 14 anos.
Inscrições serão na recepção do evento.
Máximo 30 vagas!

Cidade Sede – IV Mostra Nacional 2018

…Hum, mas  a III Mostra Nacional de Dança Espírita em 2016, nem aconteceu e já estão pensando na de 2018???

SIM!!!! É verdade.

A escolha do próximo estado e cidade que irão sediar a próxima Mostra Nacional de Dança Espírita sempre acontece com a participação conjunta do Movimento Espírita de Dança Nacional, durante o evento.

Tem intenção de sediar a próxima MNDE?

Entre em contato conosco para ter acesso ao edital e regimento do evento.

O convite está aberto a todos! Participem!

Dança Espírita: Eu conheço. Eu apoio!!!!

candidatura